sábado, 20 de agosto de 2011

Por que sangue na orelha, mão e no pé direitos dos sacerdotes e seus filhos?

“E Moisés o imolou, e tomou do seu sangue, e o pôs sobre a ponta da orelha direita de Arão, e sobre o polegar da sua mão direita, e sobre o polegar do seu pé direito” (Lv 8:23). São curiosos alguns costumes do Antigo Israel, implantados pelo Senhor Jesus, o Todo-poderoso JAVÉ. Entre esses se encontra a citação acima! “A aplicação do sangue na orelha implicava a consagração [do sacerdote, do líder] ao serviço de Deus. Daquele momento em diante, Arão devia atender diligentemente as ordens de Deus e devia fechar os ouvidos para o mal. 

Tal lição é proveitosa tanto para os ministros [líderes] como para os membros. Faríamos bem em dar-lhe atenção, pois “o obedecer [dar ouvidos] é melhor que os sacrifícios e o prestar atenção do que a gordura de carneiros” [I Sm 15:22, LXX]. 

O colocar sangue sobre o polegar direito de Arão significava que, a partir dali, todos os seus atos deviam ser justos. A mão representa a obra da vida, os diversos atos visíveis, o viver reto. De Cristo está escrito: “Eis aqui estou (no rolo do livro está escrito a meu respeito), para fazer, ó Deus, a tua vontade” (Hb 10:7) e “a minha comida consiste em fazer a vontade daquele que me enviou e realizar a sua obra” (Jo 4:34). E o por sangue sobre o polegar do pé direito tem um significado semelhante. Implica caminhar na luz, cumprir os mandamentos de Deus, colocar-se do lado da verdade e da justiça. Todas as faculdades devem estar dedicadas a Deus” (Comentario Bíblico Adventista del Séptimo Día en español, 758). 

Sem dúvida a intenção de JAVÉ foi salientar a importância da consagração do líder e a santidade em seu estilo de vida, dele e de sua família! “Então, fez chegar o outro carneiro, o carneiro da consagração; e Arão e seus filhos puseram as mãos sobre a cabeça do carneiro. E Moisés o imolou, e tomou do seu sangue, e o pôs sobre a ponta da orelha direita de Arão, e sobre o polegar da sua mão direita, e sobre o polegar do seu pé direito. Também fez chegar os filhos de Arão; pôs daquele sangue sobre a ponta da orelha direita deles, e sobre o polegar da mão direita, e sobre o polegar do pé direito; e aspergiu Moisés o resto do sangue sobre o altar, em redor” (Lv 8:22-24). O sangue era do “carneiro da consagração”. O Cordeiro de Deus, o Senhor Jesus Cristo, oferece Seu sangue tanto aos líderes cristãos como aos liderados, para que vivam uma vida separada neste mundo que “jaz no Maligno” (I Jo 5:19). 

E a Bíblia termina enfatizando que só tem direito à entrada na Cidade Santa e à arvore da vida, os que “lavam as suas vestiduras [no sangue do Cordeiro]” (Ap 22:14). Sacerdotes ou não, homens e mulheres, adultos e crianças, é nosso privilégio e dever termos nossa vida (inclusive as roupas!) lavadas pelo precioso sangue perdoador e transformador de Jesus. (Hendrickson Rogers) 

Compartilhe com os seus o que lhe interessa!

PDF e/ou impressão:

Print Friendly and PDF
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Envie este artigo para seus seguidores!

Locais dos Estudantes de hoje:

podcasting