quarta-feira, 8 de junho de 2011

“O que é o pecado contra o Espírito Santo?”

Leia Mateus 12:31 e 32. Uma das funções do Amigo Espírito é convencer o pecador de seu pecado, como vimos mais abaixo, e conduzi-lo a Verdade, ou seja, ao Amigo Jesus (João 14:6 e 16:13). Mesmo Ele sendo divino e Todo-poderoso, essa não é uma função fácil, sabe por quê? Porque o Espírito Santo não obriga, antes respeita a “liberdade” que os pecadores têm. Seu trabalho começa quando nós nascemos, já que somos pecadores desde o ventre de nossas mães! Veja Salmo 51:5. Se nós aceitamos Sua direção e não O atrapalharmos, Ele nos conduzirá a Jesus e Sua tarefa nunca terminará, pois viveremos “no Espírito” (Rm 8:9) enquanto Ele nos sela para o Céu (Ef 4:30). Porém, se não dermos ouvidos ao Senhor Espírito, o trabalho dEle terminará um dia. No dia em que Ele nos deixar, teremos cometido o pecado contra o Espírito Santo! Assim sendo, o pecado ou a blasfêmia contra o Espírito Santo não envolve um único pecado, mas é a continuação teimosa, irredutível de uma vida de pecados. O caráter fica sem solução, a mente fica sem possibilidade de transformação e o resultado é o término dos apelos do querido Consolador Espírito Santo. Isso aconteceu várias vezes no tempo dos personagens bíblicos (Gn 6:3, I Sm 18:12 e Atos 5:1-11) e infelizmente acontece ainda hoje e acontecerá até Jesus voltar (II Tm 3:1-7 e Hb 6:4-6). Como saber quem está perto de cometer essa blasfêmia ou longe disso? Veja Gálatas 5:19-25. (Hendrickson Rogers)

Compartilhe com os seus o que lhe interessa!

PDF e/ou impressão:

Print Friendly and PDF
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Envie este artigo para seus seguidores!

Locais dos Estudantes de hoje:

podcasting